Pós-operatório

Pós-operatório

O bom resultado de uma cirurgia plástica não depende exclusivamente da boa técnica do cirurgião. Os tratamentos estéticos pós-cirúrgicos também são muito importantes para atingir o resultado desejado.

 

Os tratamentos estéticos são grandes aliados na recuperação de alguns tipos de cirurgia. Existem procedimentos cirúrgicos que demandam a indicação de procedimentos estéticos, com o intuito de promover a correta cicatrização e acomodação dos tecidos.

 

Dentre os principais tratamentos pós-operatórios, destacamos o ultrassom e a radiofrequência, pois aceleraram o metabolismo da área afetada pela cirurgia, agilizando o processo de cicatrização. 

Tratamentos para Pós-operatório

Ultrasom

Endermoterapia

Radiofrequência

Drenagem linfática

A ocorrência de celulite é mais comum em mulheres do que em homens, devido a fatores fisiológicos e hormonais. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, oito em cada dez mulheres apresentam algum grau de celulite.

O que é:

 A celulite é uma alteração causada pelo acúmulo de gordura, água e toxinas nas células, fazendo com que elas fiquem cheias e endurecidas. É isso que causa o aspecto de furinhos na pele.

Classificações

 A celulite pode ser classificada quanto à sua evolução e quanto ao seu aspecto.

Quanto à sua evolução, ela é classificada em graus:

  • Grau I: não visível e não palpável. Apenas alterações histopatológicas iniciais.
  • Grau II: não visível e palpável pelo pinçamento digital, onde se observa o aspecto da pele em casca de laranja. Pele pálida, fria e com elasticidade diminuída.
  • Grau III: visível e palpável.
  • Grau IV: nódulos maiores, visíveis, mais palpáveis, aderidos a planos profundos e muito dolorosos.

Quanto à consistência da pele:

 
  • Dura: pacientes jovens, com atividade física regular, o aspecto de casca de laranja só aparece se comprimirmos com os dedos.
  • Flácida: sedentários e mulheres que perderam muito peso, levando à flacidez.
  • Edematosa: mulheres jovens que tomam anticoncepcionais. O sinal da casca de laranja e o edema é precoce.
  • Mista: representa a evolução de uma forma antiga para outra. Pode haver celulite endurecida na face externa da coxa e já ter a forma flácida na face interna.

Causas:

Há diversas causas para a celulite. O excesso de peso pode ser determinante para o desenvolvimento da celulite, mas mulheres magras também podem ter. Isso ocorre porque pode haver um desequilíbrio entre a quantidade de gordura e a massa muscular.

Entre as principais causas da celulite estão:

  • Fatores genéticos
  • Obesidade
  • Distúrbios circulatórios
  • Fatores hormonais: está relacionado ao estrogênio, que atua em todas as fases da formação da celulite
  • Gravidez
  • Disfunções intestinais
  • Alimentação: excesso de açúcar, sal e álcool
  • Medicamentos: anticoncepcionais, terapia de reposição hormonal, corticosteroides e betabloqueadores
Fatores de riscos:
 

Outros fatores que influenciam o surgimento e desenvolvimento da celulite são:

  • Sedentarismo
  • Anticoncepcionais ou hormônios
  • Tabagismo
  • Roupas apertadas que comprometem a circulação
 
WhatsApp chat